Como escolher um nome de domínio para seu site

Como escolher um nome de domínio para seu site

Com que profundidade você deve pensar em seu nome de domínio? Será que é realmente importante? Se você tem um site de qualidade, as pessoas o visitarão, independentemente do domínio, certo? Bem, não tão rápido…

Veja bem, seu nome de domínio é o elemento chave do seu site. Ele pode ajudar ou prejudicar, por isso é crucial escolher um nome de domínio que seja o ideal para o seu negócio.

Veja também: Domínio e Hospedagem: Entenda a diferença

Por que seu nome de domínio é tão importante?

OO nome acaba sendo a “primeira impressão” e seu URL é a primeira coisa que seus visitantes verão. Um bom nome de domínio pode causar uma impressão positiva e duradoura, enquanto um mau nome de domínio pode afastar visitantes.

Embora os Domínios Exatos (EMDs) não sejam mais uma necessidade, as palavras-chave em seu nome de domínio ainda podem ajudar no seu ranking de SEO.

Veja também: SEO: Dicas de sucesso para sua empresa se destacar

Ele define sua marca. O nome de domínio certo pode aumentar o reconhecimento da marca e esses elementos são apenas algumas das muitas razões pelas quais seu nome de domínio é tão importante.

Como você escolhe o nome de domínio certo? Veja abaixo e entenda como escolher o domínio ideal:

1. Use extensões de domínio corretas (.com.br, .com, .org)

Ao escolher a extensão do seu domínio, você pode ter certeza de que o “.com.br” ou “.com” ainda são as melhores opções, pois são os mais familiares e fáceis de lembrar.

Algumas outras apostas também seguras são “.adv.br”, “.org”, “.net”. Caso todas essas opções já não estiverem mais disponíveis na hora do registro, recomendo realizar um brainstorming para escolher outro nome.

2. Domínio com marca é melhor que genérico

Domínios criativos ou com marca são melhores que genéricos. Aqui está a principal diferença entre um nome de domínio com marca e genérico:

Um nome de domínio com marca é único e se destaca da concorrência, enquanto um nome de domínio genérico geralmente é recheado de palavras-chave e não memorizável.

Por exemplo, você sabe a diferença entre planodesaude.net ou novoplanodesaude.com? Provavelmente não, certo?

São terrivelmente genéricos, ou seja, não têm significado. Sites com nome da sua marca/seu negócio se destacam pois representam alguma coisa e aumentam o fator de confiança.

3. Curto é melhor que longo

Quando se trata do tamanho do seu domínio, quanto menor, melhor. Segundo uma pesquisa do DataGenetics.com, o tamanho do nome mais comum é de aproximadamente 12 caracteres. Mantenha um nome de domínio conciso.

4. Verifique se é fácil digitar

Alguns dos sites mais populares do mundo: Google, Facebook, Twitter, Instagram, Yahoo, CNN, possuem uma coisa importante que eles têm em comum: são fáceis de soletrar.

Seus visitantes devem poder digitar seu nome de domínio sem problemas e complicações. Se você precisar explicar a ortografia mais de uma vez para que ela seja entendida, é muito complicado e normalmente desistem com frequência.

A última coisa que você deseja é que os visitantes em potencial digitem incorretamente seu domínio e acabem em um site diferente.

5. Certifique-se de que é fácil pronunciar

Tão facilmente quanto o seu nome de domínio sai da ponta dos dedos, ele deve sair da ponta da língua.

Um nome fácil de se pronunciar facilita para os visitantes o compartilhamento do seu nome de domínio por boca a boca e o compartilhamento do site com amigos e clientes em potencial.

Você pode testar isso da mesma maneira que com a “ortografia”. Escreva seu nome de domínio em um pedaço de papel e peça a 10 pessoas para pronunciá-lo. Se mais do que algumas pessoas lutam para pronunciá-lo, você deve simplificá-lo.

Lembre-se: você deseja que seu nome de domínio seja transmitido facilmente por você e outras pessoas. A única maneira de isso ser possível é se é fácil de soletrar e de pronunciar.

6. Evite hífens e números

Hífens e números tornam mais difícil para pronunciar o nome. Seu nome de domínio deve ser suave e vigoroso – hífens e números atrapalham isso.

7. Considere usar palavras-chave de “nicho” que refletem seu site

As palavras-chave podem ajudar a melhorar seu SEO, mas você precisa seguir com cuidado. Se você tentar inserir palavras-chave de forma desajeitada em seu domínio, ficará muito genérico.

Se você optar por usar palavras-chave, coloque-as no início do seu domínio. É aí que eles serão os mais poderosos para sua classificação.

8. Pense a longo prazo

Você está pronto para se casar com seu domínio? Porque esse será um dos maiores elementos que definem seu negócio e sua marca por anos.

Se você decidir alterar o domínio no futuro, isso custará dinheiro e classificação de SEO. Em resumo – é uma dor enorme. Por isso, ao escolher seu domínio, pense em longo prazo.

9. Verifique se não está registrado ou já está em uso

Antes de avançar com um nome de domínio específico, verifique se o nome está disponível em sites de mídia social, bem como se existem marcas comerciais já registradas com esse nome.

Para criar sua marca, é ideal ter o mesmo nome no seu domínio e nas redes sociais. Isso cria familiaridade e facilita a localização de visitantes, fãs e clientes.

Você pode utilizar uma ferramenta como o Knowem. Pesquise seu nome de domínio em potencial e a ferramenta mostrará se ele está disponível em mais de 25 redes sociais e se já existem marcas registradas com esse nome. Se for o caso, considere ajustá-lo para criar perfis de mídia social originais.

10. Use geradores de nomes de domínio

Neste ponto, você deve ter pelo menos uma ideia geral de algumas palavras possíveis para colocar em seu domínio. Algumas dessas palavras já podem ser usadas, registradas ou simplesmente não possuem o “som” que você está procurando.

É aí que os geradores de nomes de domínio entram em ação. Esses geradores podem transformar suas ideias em domínios novos e disponíveis.

Segue abaixo alguns geradores de nomes de domínio para experimentar:

  • Wordoid: Permite que você conecte uma palavra;
  • Lean Domain Search: Combina sua palavra-chave com outras palavras-chave e gera uma lista de domínios disponíveis.
  • DomainHole: Permite pesquisar palavras-chave, localizar domínios expirados, gerar novos nomes e muito mais.

Fonte

Comentários

Este artigo não possui comentários